segunda-feira, 10 de novembro de 2008

Estrelas no céu


Eu caminhava, uma rua escura, o trabalho nesse dia foi exaustivo, minhas pernas me matavam, os pés ardiam, foi quando olhei para o céu, pontos brilhantes de estrelas explodiam por todos os cantos e agradeci nesse momento, por não ser um astronomo, um meteorologista ou algum outro cientista, ou até mesmo um astrólogo, agradeci por apenas olhar os céus com os olhos de um poeta.
Ví o famoso cruzeiro do sul e procurei no silencio da noite traçar desenhos, encontrar formas no mapa das estrelas, no mapa de meus pensamentos, no mapa de meus sonhos. Fui dormir tranquilo pois minha quota de universo daquele dia, já me havia sido presenteada.

Nenhum comentário:

Buddha Quote of the Day